06 abril, 2020

Revisão do mês (Fevereiro/2020)


Depois de uma revisão estratégica da minha vida e dos meus projetos, resolvi migrar os conteúdos do meu blog aqui pra esse novo domínio. Isso faz parte de uma nova visão que eu tenho do meu potencial de produzir conteúdo pra que isso faça parte do meu trabalho. Espero que esse propósito possa ir ficando mais claro com o tempo.

Estou aproveitando também agora pra colocar os meus textos em ordem. Não vou mentir e nem falsificar a data dessa publicação, melhor assumir mesmo que só agora em Abril estou publicando a revisão de Fevereiro. Talvez essa demora prejudique um pouco a minha lembrança, mas estou recorrendo aqui aos registros pra tentar fazer uma revisão honesta.

Bom, Fevereiro foi um mês de muito trabalho. Estive envolvida em um freela que só acabou na semana do Carnaval, e que era alocado. Então eu passava os dias inteiros no trabalho. Apesar de ter sido uma rotina muito tranquila (nem parecia agência de publicidade, kkk), o fato de eu sair de casa, ter o deslocamento de ida, volta me deixava cansada. Não tive lá muito ânimo pra fazer outras coisas quando chegava em casa, geralmente era ficar um pouco com as crianças e dormir.

Por conta disso meus projetos paralelos andaram pouco, mas não ficaram completamente parados. Consegui produzir algum conteúdo e preparar a volta das assinaturas na minha loja, o que era algo realmente importante pra mim. Saí do freela no dia 21 com outro já combinado na sequência. Tive alguns probleminhas de negociação do novo job, mas que se resolveram na semana do Carnaval.

E por falar nisso, teve Carnaval que foi praticamente inteiro em casa. Teve festinha pras crianças no condomínio onde eu moro, e num outro dia fomos a um bailinho infantil que estava tendo num shopping, e as crianças se divertiram um bocado. Nesses dias já se tinham alguns casos suspeitos de Covid-19 no Brasil, mas isolamento social ainda nem estava sendo discutido. Um ou dois dias depois de termos ido com as crianças nesse bailinho eu fiquei mega gripada, mas zero medo de corona. Se fosse hoje em dia talvez eu surtasse um bocado...

Fevereiro é o mês do meu aniversário! Fiz 37 anos no dia 16, e até escrevi um texto aqui no dia. Foi um dia agradável, fomos almoçar num restaurante mexicano que eu gosto aqui em Brasília, e eu ganhei dinheiro de presente (paguei as contas!). Já fui mais popular nas minhas comemorações e geralmente fico chateadinha de convidar e as pessoas não irem. Nesse ano eu não convidei ninguém a não ser minha amiga-vizinha e a família, e não ter essa expectativa foi a melhor coisa que eu fiz!

Em casa as coisas fluíram bem, apesar de eu ter participado bem pouco da rotina doméstica. As coisas ficaram por conta da faxineira e da Val, nossa mãezona adotiva que cuida das crianças com todo o carinho do mundo. Bem no finzinho do mês, marido e eu chegamos à conclusão de que temos muita dificuldade de nos adaptar com faxineiras, porque gosto de seguir um sistema e enfim, a casa é minha, né? E o fato é que ninguém cuida da nossa casa como a gente mesmo. 

Então resolvemos fazer um teste: as crianças passariam a ir pra escolinha integral, dispensaríamos a faxineira e nós mesmos cuidaríamos da casa. Enquanto eu estivesse fazendo freelas (consequentemente com menos tempo pra cuidar de tudo), chamaríamos uma pessoa de confiança para arrumações pontuais. Tomamos essa decisão no dia 28, dispensei a faxineira no dia 29 e no dia 01/03 as crianças já passaram a ir pro integral.

Acho que esses foram os pontos mais relevantes de Fevereiro. Agora vamos tentar não atrasar tanto pra conseguir fazer uma revisão mais rica! 😅

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é sempre muito bem-vindo! Obrigada pela sua visita.

O Irlandês (The man who painted houses) - Resenha do livro de Março

Saindo um pouco do tema de revisões e rotinas, vim fazer uma resenha do livro que li em Março, Que foi O Irlandês (The man who painted h...